O que é Ayurveda?

A origem


Ayurveda é o conhecimento médico desenvolvido na Índia há cerca de 7 mil anos, o que faz dela um dos mais antigos sistemas medicinais da humanidade.


Como tudo que vem da Índia está na moda, talvez você já tenha ouvido falar na Ayurveda em alguma clínica ou até mesmo na televisão. Na verdade a palavra Ayuverda significa “ciência da vida”, em sânscrito, e trata-se de um sistema medicinal alternativo que une bem-estar e saúde. Continua a ser a medicina oficial na Índia e tem-se difundido por todo o mundo como uma técnica eficaz de medicina tradicional.



A medicina ayurvédica é conhecida como a mãe da medicina, pois seus princípios e estudos foram a base para, posteriormente, o desenvolvimento da medicina tradicional chinesa, árabe, romana e grega. Houve um intercâmbio de informações com o Japão, que tinha a mesma necessidade dos indianos: criar uma medicina barata para atender às suas populações muito pobres e gigantescas, por essa razão existe muito da medicina japonesa nos conceitos de ayurvédica. As duas desenvolveram técnicas muito eficientes e de baixo custo para o tratamento.


Chegou ao Brasil há cerca de 15 anos. O principal responsável por essa difusão, no ocidente, foi o médico Deepak Chopra, um dos profissionais mais conceituados no assunto. Vale lembrar que ao contrário do que muitos pensam, esta filosofia não tem cunho religioso e pode ser praticada por todos.


A doença, para a Ayurveda, é muito mais que a manifestação de sintomas desagradáveis ou perigosos à manutenção da vida. A Ayurveda, como ciência integral, considera que a doença inicia-se muito antes de chegar à fase em que ela finalmente pode ser percebida. Assim, pequenos desequilíbrios tendem a aumentar com o passar do tempo, se não forem corrigidos, originando a enfermidade muito antes de podermos percebê-la.


A explicação para a eficiência da Ayurveda é simples: ela acredita que o que acontece no seu corpo, tanto físico como emocional, é fruto do que você ingere e da forma como você pensa. Ou seja, não foge muito do ‘corpo são, mente sã’. O princípio para viver bem é manter o equilíbrio e para isso, você pode recorrer a algumas medidas, como o yoga, as massagens e a culinária ayurvédica.


O sistema ayurvédico tem por objetivo nos colocar em harmonia com a natureza. O homem é parte integrante da natureza e se ele estiver desconectado dela, estará favorecendo o surgimento de doenças físicas e emocionais, como o estresse.


Os cinco elementos e os doshas


A Ayurveda baseia-se no sistema filosófico samkhya nos cinco elementos que formam toda a manifestação material do universo.


São eles éter, ar, fogo, água e terra. Toda a matéria que existe no universo provém destes 5 elementos, inclusive o corpo humano(que além da matéria, também é formado por:


Buddhi - discernimento,

Ahamkara - ego

Manas - mente

De acordo com o Ayurveda, quando algum dos 5 elementos está em desequilíbrio no corpo do indivíduo, inicia-se o processo da doença.


Segundo essa tradição, os seres humanos são influenciados pelos 5 elementos através do dosha. Os doshas são Vata, regido por ar e éter, Pitta, regido por fogo e água, e Kapha, regido por terra e água.


Todas as pessoas possuem os três doshas, mas em diferentes proporções. No momento da nossa concepção a nossa constituição é definida, isto é, os doshas que estão presentes em maior quantidade no nosso organismo.


Ao nascermos, tal proporção está em equilíbrio (prakrti), mas com o tempo e a vida desregrada surge o desequilíbrio em um ou mais desses doshas (vikrti), contribuindo para o surgimento e desenvolvimento de doenças.


Para o indivíduo ter o corpo saudável é necessário manter seus tecidos saudáveis e isso é possível por meio da alimentação, que deve ser feita de acordo com o estado atual do paciente, ou seja, de acordo com seu dosha predominante e com os desequilíbrios que ele possa apresentar. Os tecidos que formam o corpo humano são formados a partir dos 5 elementos, que consumimos em forma de alimento. Para o Ayurveda, a saúde de uma pessoa é medida pela força de seu agni (fogo digestivo). Um "bom agni" é capaz de extrair dos alimentos ingeridos os nutrientes necessários para formar tecidos fortes; por outro lado, quando o agni está diminuído ou é irregular (menor capacidade digestiva) a nutrição dos tecidos fica mais pobre, comprometendo a saúde e a integridade estrutural do organismo. Costuma-se ouvir muito que "você é o que você come", mas podemos concluir, com o exposto, que a medicina indiana vai além: "você é o que você consegue digerir”.


Por isso é importante a identificação do dosha de cada pessoa. O conhecimento do perfil deve ser feito antes de iniciado o tratamento, por uma pessoa especializada.



A massagem ayurvédica


Além de se utilizar de alimentação adequada, fitoterapia, yoga e outras técnicas, a massagem é uma das principais técnicas utilizada pelos médicos e terapeutas ayurvédicos, por ser de baixo custo e fácil aplicação. Surgida na cultura dos Vedas (antiga etnia indiana), não é apenas uma das mais antigas e sim uma das mais completas técnicas naturais para restabelecer o equilíbrio físico e psíquico. Trata-se de uma massagem profundamente relaxante, atuando no campo físico e energético, tendo a função de purificação e manutenção da saúde corporal. Tem como objetivo restaurar o bem-estar físico, mental, energético e emocional.


A massagem ayurvédica age nos sistemas: linfático (desintoxicando o organismo), circulatório (aumentando a produção de glóbulos brancos e a nutrição e oxigenação celular) e energético (reequilibrando o chakra e atuando nos sete corpos - desfazendo bloqueios emocionais). Dessa forma contribuindo na cura das principais doenças.


É importante ressaltar que, para uma massagem ser ayurvédica, deve levar em consideração os doshas do paciente, seus desequilíbrios e suas características. É uma prática individualizada, específica para cada tipo de pessoa. Não existe apenas uma técnica de massagem na Ayurveda, mas sim diversas delas, que são feitas com óleos essenciais medicados, de acordo com o dosha do indivíduo.


É indicada como um dos tratamentos para quase todas as doenças, principalmente: dependência química, alergias, estresse, estafa, fadiga, depressão, fibromialgia, bloqueios emocionais, problemas musculares e de coluna, lembrando que na Ayurveda não se trata a enfermidade, mas sim o indivíduo.


Deve ser ministrada com cuidado em gestantes.


Reconhecida pela OMS (Organização Mundial da Saúde) a massagem ayurvédica é utilizada por quase toda população da Índia e está sendo amplamente divulgada no mundo.


Benefícios proporcionados pelo tratamento com a massagem ayurvédica:


  • Rejuvenescimento (melhora na pele),

  • Realinhamento das estruturas óssea e muscular,

  • Aumento da autoconsciência,

  • Fortalecimento do sistema imunológico,

  • Aceleração da circulação linfática e consequente desintoxicação do organismo;

  • Eliminação de bloqueios,

  • Prevenção de doenças,

  • Aumento de flexibilidade,

  • Reequilíbrio dos chakras,

  • Atuação nos sete corpos sutis,

  • Maior mobilidade das articulações e possibilita uma vida mais harmoniosa e feliz.

A filosofia indiana acredita na tranquilidade e na boa alimentação para alcançar o equilíbrio do corpo.



Tipos de massagem


Tão importante quanto a escolha de ingredientes para a massagem ayuvédica, a aplicação do toque ideal pelo terapeuta também é de essencial importância. Em primeiro lugar, a concentração deve ser observada para o procedimento, juntamente com a intenção de doação e cura por parte desse terapeuta. É também muito importante escolher a técnica adequada, entre pressão, deslizamento, entre outros.


Algumas massagens como a abhyanga são mais ritmadas e cadenciadas, sendo que o deslizamento longo é o mais indicado e o que causa melhores resultados. Na combinação de técnicas escolhidas, é comum aplicar técnicas parciais de marmaterapia em algumas massagens, melhorando e potencializando o efeito da intervenção.


Dessa forma, há também a pressão específica em pontos-chave da anatomia sutil, recitação ou não de mantras, entre outras aplicações.


Além disso, o terapeuta deve estar preparado e equilibrado suficientemente para conseguir manter a sua intenção de cura sem gerar mentes negativas e incluir motivações pessoais durante a massagem. Tão importante quanto a escolha de ingredientes para a massagem ayuvédica, a aplicação do toque ideal pelo terapeuta também é de essencial importância. Em primeiro lugar, a concentração deve ser observada para o procedimento, juntamente com a intenção de doação e cura por parte desse terapeuta. É também muito importante escolher a técnica adequada, entre pressão, deslizamento, entre outros.


Indicações e contra-indicações


A indicação de cada procedimento depende da necessidade de cada indivíduo, e a massagem ayurvédica deve ser aplicada sob orientação do terapeuta que realizou o diagnóstico. Muitas técnicas possuem efeitos antagônicos, e outras podem retardar o reequilíbrio se aplicadas de forma leviana. Isso quer dizer que a escolha entre a aplicação de uma abhyanga ou um shirodhara, por exemplo, não depende do paciente, e sim da necessidade do seu tratamento, a ser apontada pelo terapeuta.


Principais técnicas:


Abhyanga - Uma das técnica mais conhecidas e utilizadas dentro do Ayurveda e


Abhyanga é definida pela aplicação de óleos medicados previamente escolhidos e preparados. A aplicação toma forma em uma massagem com deslizamentos longos e profundos, extremamente relaxantes, principalmente pelo fato de que o óleo aplicado está geralmente aquecido. Feita em todo o corpo do paciente, essa massagem é clássica e possui inúmeros benefícios:

  • Nutrição profunda

  • Equilibra o sistema nervoso

  • Beneficia imediatamente tecidos superficiais como pele e cabelo

  • Reduz edemas e inchaços


…entre muitos outros benefícios


A abhyanga é particularmente indicada para distúrbios do dosha vata, mas cada necessidade e composição física vai determinar a necessidade ou não da sua aplicação.

Shirodara - Técnica de aplicação mais delicada, o shrodara é extremamente eficiente no que se propõe.

É estabelecido pelo terapeuta um fluxo contínuo de óleo medicado ou leite medicinal na região do sthapani marma, o ponto entre as sobrancelhas. Esse fluxo é realizado através de uma espécie de cuba, chamada de dhapapatra, e deve ser em ritmo uniforme até o final da sessão.


Com esse procedimento é possível levar o paciente a um estado de relaxamento nunca antes experimentado, alterando muitas vezes o seu estado de consciência de forma sutil. Listamos aqui os seus principais benefícios:


  • Indicada para problemas no sistema nervoso

  • Regulariza mal funcionamento dos sentidos

  • Particularmente indicada em casos de ansiedade

  • Reduz insônia e hipertensão

…entre muitos outros.


Udwartna - Esse procedimento peculiar e tradicional no Ayurveda é realizado através de uma espécie de esfoliação profunda, realizada com óleos específicos e pó de ervas especialmente escolhido para aquele indivíduo. Realiza-se a aplicação de óleo morno, em um procedimento semelhante à abhyanga, e logo depois a pele do paciente é friccionada com o pó de ervas, promovendo uma ação secativa, purificadora e muito relaxante. É particularmente indicada para a redução do dosha kapha, mas há variações quanto à sua função e intensidade de acordo com a composição de ervas escolhida.


Entre os principais benefícios, podemos citar:

  • Tonificação muscular

  • Esfoliação sutil e ao mesmo tempo profunda da pele

  • Aquece os tecidos e estimula a circulação sanguínea e linfática

…entre outros.


Pinda Sweda - Como um procedimento também específico dentro do tratamento ayurvédico, o pinda sweda é uma massagem ayurvédica realizada com trouxinhas de pano,preenchidas com uma composição de ervas específica, e umedecidas em óleo morno. As trouxinhas carregam as propriedades combinadas do óleo e das ervas por todo o corpo, e juntamente com as manobras manuais, há um benefício terapêutico instantâneo, além de um relaxamento crescente.


Possui diversas indicações, e entre seus benefícios podemos citar:

  • Rejuvenescimento dos tecidos

  • Redução de dores musculares

  • Reequilíbrio energético


Champi - Especialmente voltado para a parte superior do corpo, o procedimento champi é uma massagem extremamente relaxante na face, couro cabeludo, pescoço, ombros e parte superior do tórax. Essa massagem se tornou famosa no ocidente por seus benefícios aos cabelos, auxiliando ativamente no crescimento dos fios e na vitalidade do tecido capilar.


Mas além do seu benefício geral, ela possui propriedades poderosas de reequilíbrio e relaxamento, principalmente por ser aplicada em manobras específicas em regiões como o couro cabeludo e a face, que sofrem com stress e nervosismo. Seus principais benefícios são:

  • Aumento da circulação e da oxigenação no cérebro

  • Aumento da vitalidade e do crescimento dos cabelos

  • Promove melhorias no sistema imunológico

  • Melhora a circulação do prana

  • Melhora enxaqueca e insônia

…entre muitos outros.


Shantala - Já famosa em muitos países do ocidente, essa massagem está sendo difundida mais e mais e cada dia. Ela é realizada especialmente nos bebês, e é incentivada por terapeutas e médicos não só pelos seus benefícios terapêuticos imediatos, mas para promover a interação física e emocional profunda entre mãe e bebê. Isso porque a massagem e realizada pela própria mãe, sob orientação (nas primeiras vezes) do terapeuta, e pode ser realizada a partir de um mês de vida da criança.


É particularmente indicada para bebês que nasceram de cesária, e entre os seus benefícios podemo citar:

  • Aumento da consciência corporal por parte do bebê

  • Interação profunda entre mãe e criança

  • Promoção da circulação sanguínea e linfática

  • Oferece tranquilidade e equilíbrio emocional à mãe e à criança

…entre outros.


Fonte:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Ayurveda

https://indiamedblog.wordpress.com/2017/12/16/massagem-ayurvedica/

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2023 por Marcelo Reis. 

Todos os direitos reservados.
É permitido a reprodução dos conteúdos deste site desde que sejam citados a fonte e o autor.

Politica de Privacidade

 

 contato@mahaganga.com.br

Maha Ganga - Terapias de Acolhimento

www.mahaganga.com.br

Rua Republica do Iraque, 1326 - Galeria Memorial loja 15 - Campo Belo - São Paulo